Do que vamos desapegar hoje?

Para refletir

 

Nesse tempo dentro de casa, tive tempo de perceber que eu sou bagunceira porque faço coisas demais. Então, não importa quanto eu arrume, a casa e a minha vida nunca serão organizadas se não mudar a forma como me sinto.  
Acho que antes de começarmos a jogar tudo fora precisamos entender quais são realmente as nossas expectativas de vida. Entende que não é possível ser artista, cientista, estudante, malhadora, praticante de yoga, boa mãe, boa filha, boa leitora? Acabamos sobrecarregadas e nem sabemos porquê. E qual o armário e as ferramentais ideais pra essa vida?
Por isso, é importante fazermos uma lista de nossas atividades e de coisas que gostaríamos de fazer, resgata aquela vontade de cursar filosofia aí no fundo do seu armário! Eu tô brincando (mas foi meu caso).
Pra ajudar a entender, vou puxar aqui um ensinamento milenar. Há mais de 2.300 anos um cara chamado Epicuro, fundador de uma importante escola de filosofia em Atenas (Jardim de Epicuro), escreveu uma carta para um discípulo com tópicos essenciais para a busca permanente da felicidade.
Sobre a hierarquia dos desejos ele diz: “dentre os desejos há os que são naturais e os que são inúteis”, ok? Isso a gente já sabia... Continue, Epicuro: “dentre os naturais, há uns que são necessários e outros apenas naturais”, natural é dormir, comer, respirar. Mas ninguém vive só disso, prossiga: “dentre os necessários, há alguns que são fundamentais para a felicidade, outros para o bem-estar corporal, outros, ainda, para a própria vida”.
“E o conhecimento seguro dos desejos leva a direcionar toda escolha e toda recusa para a saúde do corpo e para a serenidade do espírito, visto que esta é a finalidade da vida feliz: em razão desse fim praticamos todas as nossas ações, para nos afastarmos da dor e do medo.”
 Então, conscientemente faça uma lista de tudo o que é realmente importante pra você, o que te motiva a acordar todos os dias. É difícil pensar nisso quando você está num trabalho que não gosta... Mas vamos começar pulando essa parte? Quando você estiver mais segura você abre esse baú da profissão.
Outra coisa importante: não derrube a casa inteira ou sua vida toda, abra uma gaveta de cada vez e só abra outra quando guardar tudo o que estava na primeira. Às vezes isso será necessário pra você abrir espaço de colocar as coisas em ordem, apenas tenha bom senso. Você pode ficar cansada e conviver com a bagunça do serviço que você parou pode te deixar frustrada, com a sensação de que você não realiza as coisas a que se propõe, detonando sua auto estima. 
Vamos juntas e com calma organizar nossas vidas? :)
Com amor,
Bruna

Postagem anterior Postagem seguinte


  • pIPkMnvhADaKWTzl em

    kyBHuaomz

  • ePLtDayUslq em

    HBkcrSFuGROeKdh

  • aGBnZefh em

    DvmSOMndWqGN

  • dRlgPTCGuQq em

    hybxZikRFuXjavUp

  • wonMgxpyUVeqNZ em

    QnbBaGuqmFwoH



Deixe um comentário